Aliados de Cunha se reunem terça-feira (12) para garantir eleição de sucessor

16189220Da redação

Líderes aliados a Eduardo Cunha (PMDB-RJ) assinaram nesta sexta-feira (8) um ofício no qual pedem a convocação de uma reunião da Mesa Diretora para a próxima segunda (11) com o intuito de garantir que a votação para escolha do sucessor do peemedebista ocorra na terça (12).

Após a renúncia de Cunha, aliados tentam eleger um sucessor ” de confiança” na presidência, para quando a cassação do peemedebista chegar ao plenário.

O Diário Oficial da Câmara trouxe, em sua edição desta sexta, as duas decisões publicadas. Maranhão garantiu que a eleição será realizada na quinta-feira (14), mas não deixou claro se invalidaria a sessão de terça (12), convocada pelo colégio de líderes.

A guerra de forças para definir quando será a eleição tem sobrado até para os funcionários da Casa. Na manhã desta sexta, alguns deles começaram a montar as cabines de votação no plenário, com as urnas eletrônicas. Maranhão mandou que tudo fosse recolhido. Tudo leva a crer que não haverá eleição nem na quinta.