App pode se tornar problema social

PokemonGODa redação

Poucas horas após seu lançamento nacional, no fim da tarde da última quarta-feira (03), o aplicativo “Pokémon Go” já fez com que uma séria de pessoas fossem vítimas de criminosos.

“Apesar de você ver o bicho numa realidade aumentada dentro do contexto da cidade, você se distrai para capturá-lo porque precisa olhar para a tela do seu celular”, comentou um usuário.

Além de São Paulo, jovens de outros estado como Espírito Santo, por exemplo, também foram roubados enquanto jogavam.

Segundo dados da Secretaria da Segurança Pública publicados em 2015, celulares são os objetos mais roubados e furtados por criminosos na capital paulista.

 

O Metrô de São Paulo publicou um alerta em uma rede social nesta quinta-feira (4) para os usuários que estejam caçando pokémons no trajeto. “Vai procurar pokémons em seu trajeto diário? Fique atento para não se arriscar nem atrapalhar os usuários”, disse o post.

O Detran de São Paulo também publicou um alerta nas redes sociais. “Até o jogo avisa é pra você não capturar enquanto dirige, ok Brasil”?

Estes são apenas alguns dos vários problemas de ordem social, que o novo game poderá causar.