Assembleia decide mobilização contra demissões na Mercedes-Benz

Da redação

O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC vai realizar amanhã (17) assembleia com os trabalhadores da Mercedes-Benz. O objetivo é definir e organizar as ações de mobilização contra a demissão de dois mil metalúrgicos, anunciada pela empresa na última sexta-feira (12). A assembleia acontece em frente à sede do Sindicato, em São Bernardo, às 10h.

A montadora comunicou aos trabalhadores na última sexta-feira (12) que todos entrariam em licença-remunerada por tempo indeterminado a partir da ontem (15) e que, a partir desta data, seria dado início ao processo de demissão do excedente de trabalhadores.

Os metalúrgicos na Mercedes-Benz têm estabilidade até 31 de agosto, assegurada pela adesão da empresa ao PPE (Programa de Proteção ao Emprego). Alguns deles já receberam o telegrama informando a recisão do contrato de trabalho a partir de setembro.

A fábrica da Mercedes-Benz em São Bernardo possui atualmente 9 mil trabalhadores. Cerca de 1,4 mil estão em licença-remunerada desde fevereiro.