Atendimento ao trabalhador no Paço recebe 205 pessoas no primeiro dia de funcionamento

Setor está instalado no térreo 1, onde antes funcionava a seção de Tributos; atendimento deve ser agendado pessoalmente. Foto: Anderson Pedro/ PSA
Setor está instalado no térreo 1, onde antes funcionava a seção de Tributos; atendimento deve ser agendado pessoalmente. Foto: Anderson Pedro/ PSA

No primeiro dia de funcionamento do posto de atendimento ao trabalhador, nessa segunda-feira (09), 205 pessoas foram atendidas no Paço Municipal. O local continua a oferecer os serviços de entrada no seguro desemprego, emissão de carteira de trabalho e cadastramento de desempregados para vagas, todos realizados com agendamento. A procura pelo serviço nesse primeiro dia correspondeu à expectativa da Prefeitura, que espera atender diariamente 200 trabalhadores, em média.

O serviço foi transferido do Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda (CPETR), que ficava na Avenida Artur de Queirós, para o Prédio Executivo, localizado Praça IV Centenário, 1 – Paço Municipal – Centro. A mudança teve como objetivo reduzir gastos com o aluguel do antigo espaço, gerando uma economia aos cofres públicos de mais de R$ 200 mil por mês.

A equipe responsável pelo setor realizou reuniões nos últimos seis meses para definir o layout da nova estrutura, concluir a instalação da parte elétrica e capacitar a equipe de atendimento.

Para oferecer as vagas de trabalho, a nova estrutura utilizará o Sistema Nacional de Emprego Online (SINE), que anuncia oportunidades em todo o país.

O horário de funcionamento será de segunda a sexta, das 8h às 17h, sendo que a última hora do expediente será exclusivamente para fechamento do sistema. O agendamento dos atendimentos é feito pessoalmente no setor, que está instalado no térreo 1, onde antes funcionava a seção de Tributos, que foi remanejada dentro do mesmo andar.

Outras informações podem ser obtidas no telefone 4433-0778.

O munícipe também tem como opção o atendimento no posto da Rua Sigma, 300, Vila Mazzei, que oferece os mesmos serviços.

Qualificação – Os cursos de capacitação que antes eram oferecidos no prédio da Av. Artur de Queirós foram transferidos para a sede da Economia Solidária, na Rua Campos Sales, 578 – Centro.

 

 

Fonte: Prefeitura de Santo André