Boechat morre em queda de helicóptero na Anhanguera

Um helicóptero caiu na Rodovia Anhanguera, em São Paulo, nesta segunda-feira (11/02) e bateu na parte dianteira de um caminhão que transitava pela via. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o piloto e outra pessoa que estava na aeronave morreram carbonizados.

Informações exclusivas cedidas à TV+ABC, dão conta de que os corpos são do apresentador Ricardo Boechat e do piloto da aeronave.

O chamado de socorro foi feito às 12h14. A queda ocorreu perto do quilômetro 7 do Rodoanel, sentido Castelo Branco. De acordo com a CCR Rodoanel Oeste, que administra o Rodoanel, houve uma terceira vítima com ferimentos, o motorista do caminhão.

A Polícia Rodoviária Estadual informou que a alça de acesso do Rodoanel à Rodovia Anhanguera precisou ser interditada. Já a rodovia não teve bloqueio.

A aeronave bateu na parte dianteira de um caminhão que transitava pela via.  Boechat estava dando uma palestra em Campinas, no interior do estado, e retornava à São Paulo nesta segunda. Ele deveria pousar no heliporto da Band, no Morumbi, Zona Sul da Capital Paulista.

Boechat era apresentador do Jornal da Band e da rádio BandNews FM e colunista da Revista IstoÉ.

 

1 Comentário

  1. Excelente jornalista, quantas tragédias este ano trouxe ,os meninos queimados, o Vale de lágrimas ainda tem as doenças que vai aparecer por causa da tragédia em Minas Gerais.
    Deus conforte o coração das famílias.

Comments are closed.