Início Cidades Cai o número de médicos por UPA

Cai o número de médicos por UPA

Da redação

O Ministério da Saúde anunciou ontem (29) que irá flexibilizar regras para o funcionamento das Unidades de Pronto Atendimento. Com as novas regras, cada unidade poderá ter no mínimo dois médicos. Antes, era exigido o número mínimo de quatro médicos por unidade.

Caberá ao gestor municipal definir o número de profissionais na equipe. A partir do tamanho da equipe médica, será estabelecido o valor de custeio que será repassado ao município. Uma UPA com dois profissionais, por exemplo, receberá um incentivo financeiro para custeio de R$ 50 mil enquanto uma com nove profissionais receberá R$ 250 mil.

*Informações Agência Brasil

Deixe uma resposta