Campeão do 1º turno terá menor pontuação da história do Brasileirão

03abril2016---observado-por-gabriel-jesus-elias-conduz-a-bola-em-velocidade-no-classico-palmeiras-x-corinthians-1459715898266_615x300Flamengo, Santos, Palmeiras, Corinthians e Atlético-MG. Qualquer um destes clubes pode se sagrar campeão do primeiro turno do Brasileirão, mas, independentemente de quem acabar a rodada na ponta, entrará para a história como o vencedor com menor pontuação desde que o campeonato passou a ser disputado nos pontos corridos com 20 clubes.

Palmeiras e Corinthians podem chegar a 36 pontos, um a menos do que o Internacional e Corinthians, que venceram os turnos iniciais de 2009 e 2011, respectivamente, com 37 pontos (confira a lista abaixo).

A baixa pontuação dos ponteiros nesta temporada tem a ver com o equilíbrio do atual Brasileirão. Nunca a competição havia chegado à última rodada do primeiro turno com sete times separados por apenas três pontos.

Apesar de não valer taça, a conquista do primeiro turno costuma ser significativa. Desde que o Brasileirão passou a ser disputado nos pontos corridos, em 2003 (incluindo a época em que tinha 24 clubes), dez dos 13 campeões na primeira metade do torneio acabaram dando a volta olímpica.

O Flamengo passou a noite de sábado na ponta, depois de bater o Atlético-PR por 1 a 0, em Cariacica. Neste domingo, o Santos perdeu para o América-MG em Belo Horizonte  e o Palmeiras venceu o Vitória no Allianz Parque por 2 a 1. Já Atlético-MG e Corinthians jogam na segunda-feira, contra Chapecoense e Cruzeiro, respectivamente. O Grêmio, outro na briga pelo topo, só enfrenta o Botafogo em 4 de setembro, devido à Olimpíada no Rio.

A classificação atual tem o Palmeiras com 36 pontos, Flamengo com 34 pontos, contra 33 de Santos e Corinthians (um jogo a menos), e 32 de Grêmio e Atlético-MG.

OS CAMPEÕES DO 1º TURNO
2006: São Paulo – 38 pontos
2007: São Paulo – 39
2008: Grêmio – 41
2009: Internacional – 37
2010: Fluminense – 38
2011: Corinthians – 37
2012: Atlético-MG – 43
2013: Cruzeiro – 40
2014: Cruzeiro – 43
2015: Corinthians – 40