Cantareira causa preocupação por excesso de água

Sem títuloDa redação

Nos seis primeiros dias do mês de junho, cinco dos seis sistemas de abastecimento da Grande São Paulo acumularam água acima da média histórica para todo o mês. O volume é bastante atípico para esta época do ano, de acordo com meteorologistas.

No caso da Cantareira que passou pela pior crise de sua história em 2014 e 2015, foram 129,8 mm de chuva nos seis primeiros dias do mês, enquanto a media histórica de junho inteiro é de 58,1 mm. Se nos dois anos anteriores a seca gerou graves problemas para dirigentes da Sabesp e para a gestão Alckmin, neste ano as chuvas causam preocupação totalmente oposta.

Desde sábado (04) a Sabesp informa que o túnel que faz ligação de todas as demais represas do Cantareira com a Paiva Castro, a última do sistema antes da distribuição para população, está fechado. A manobra serve para evitar que a represa transborde.