O deputado Cauê Macris, ex-presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, foi nomeado secretário da Casa Civil do governo João Doria (PSDB). Ele assume o comando da pasta nesta terça-feira (12).

Macris presidiu a Alesp nos últimos quatro anos. Em 2017, ele foi eleito consecutivamente para a presidência, o que só é permitido por que ocorreu em legislaturas diferentes.

Nesta segunda (15), Macris presidiu a sessão que determinou a eleição do novo presidente da Casa. O deputado Carlão Pignatari (PSDB) foi eleito presidente da Assembleia para a nova legislatura.

O tucano obteve 65 dos 48 necessários para se eleger e mantém o PSDB no comando da Casa por mais dois anos. O partido ocupa a presidência da Alesp desde 2007.

A votação foi nominal, oral e aberta, e começou por volta das 15h. Além de Pignatari, Carlos Giannazi (PSOL), Sergio Victor (Novo) e Major Mecca (PSL) também se candidataram à presidência da Alesp.Giannazi recebeu 4 votos, Sérgio Victor 5 e Major Mecca, 16. Houve 4 abstenções.

Fonte: G1

Deixe uma resposta