Centro Integrado de Monitoramento de S. Bernardo inibe crimes

5f7da9fba165e49f6233f200fcf39a07Da redação

Segundo dados da Prefeitura de São Bernardo do Campo já foram realizados 1.386 flagrantes, de situações que vão de tentativa de estupro, assalto e furto de veículos a acidentes de trânsito e crimes ambientais. Desde que foi inaugurado em abril de 2014, o CIM (Centro Integrado de Monitoramento) – que conta com 400 câmeras espalhadas por São Bernardo, tem inibindo a ocorrência de crimes e já se tornou ferramenta essencial para a política de segurança pública implementada na cidade.

Das 400 câmeras espalhadas pela cidade, 100 são fixas e foram instaladas em escolas públicas. Outras 200 também estão localizadas próximas a unidades escolares, mas giram 360 graus e têm 1 km de zoom. Por fim, outras 100, com giro de 360 graus e 1 km de zoom, estão em áreas com grande trânsito de pessoas e veículos.

Um exemplo da eficiência preventiva do sistema é o monitoramento por câmeras da avenida Senador Fláquer, na Vila Euclides. Após o CIM começar a funcionar o número de furtos caiu de 28 (em 2014) para cinco (em 2016).

Na Vila Dusi também houve diminuição no furto de veículos, de  27 casos (em 2014) para cinco (em 2016).

Na avenida Doutor Rudge Ramos, os roubos de cargas foram zerados graças ao CIM.