Cinco dicas para prevenir e controlar a asma durante os exercícios

Da redação

asma inaladorO conceito de asma induzida por exercício (AIE) é: obstrução das vias aéreas inferiores e sintomas de tosse, chiado no peito ou falta de ar; uma doença alérgica que surge a partir da prática de atividade física.

Dois mecanismos podem desencadear a asma induzida por exercício: osmótica, por desidratação das vias aéreas; térmica, por perda de calor das vias aéreas. Chamado de broncoconstrição, a AIE causa redução da função pulmonar, além da liberação de mediadores inflamatórios (causadores de alergias) que surgem devido à perda de água da superfície das vias aéreas após a elevada ventilação durante o exercício. Indivíduos que praticam esportes de forma recreativa podem apresentar a doença, muito embora a maior prevalência seja entre atletas profissionais, por conta da alta intensidade e das longas horas de prática do esporte.

As dicas são:

– Evitar atividades aeróbicas em ambientes poluídos;

– Fazer o controle de ambiente e as vacinas de imunoterapia;

– Evitar exercícios extenuantes;

– Fazer uso de medicamento para o pulmão em casos de broncoespasmo;

– Praticar natação em piscinas aquecidas e de água salgada.