Consórcio do ABC exige medidas do Governo Federal

image_destaqueDa redação

O Consórcio Intermunicipal do ABC, juntamente com a FNP (Frente Nacional dos Prefeitos), exigem que o governo federal tome medidas para melhorar a economia no País, bem como um tratamento diferenciado com relação ao pagamento de dívidas com a União assim como fez com os Estados. O motivo? Muitos municípios enfrentam queda na receita, fato que tem prejudicado investimentos no ABC.

A prefeitura de São Caetano do Sul, por exemplo, foi a mais afetada. A arrecadação de janeiro a maio de 2016 foi de R$ 465,5 milhões, contra R$ 484,4 milhões no mesmo período do ano passado. Em Santo André, a situação também é complicada também registrando queda de R$ 80 milhões neste ano. Nos demais municípios a receita do início do ano até agora também não superou as expectativas que estão no orçamento para 2016.