Corinthians vence, Palmeiras dá vexame e o Campeonato Brasileiro tem um novo líder; veja algumas estatísticas

Da redação

corinthiansO Corinthians assumiu a ponta neste fim de semana, após vencer o Internacional. Mas o que chama a atenção não é apenas a vitória, e sim o desempenho do timão nos últimos jogos. O time de Cristóvão já mantém uma série de sete partidas sem perder. São duas vitórias em casa, três fora e dois empates, um aproveitamento de 80,95% dos pontos disputados.

Na partida, o Corinthians teve mais finalizações no alvo (4) do que o Internacional de todas as formas (3), contanto no gol, na trave e para fora. Além disso, o time de Cristóvão recuperou a bola 18 vezes (Uendel e Bruno Henrique, 4 vezes), o que facilitou a armação de jogadas para finalização.

Já o Palmeiras parece não se encontrar em campo. São duas derrotas seguidas, em duas partidas essenciais para um time que deseja o título. O jogo desse domingo que acabou em 3 a 1 para o Botafogo, evidenciou novamente os problemas do time, que lembrou a equipe treinada por Marcelo Oliveira, totalmente desorganizada, sem amplitude ofensiva e confusa em campo.

O time sofreu com o goleiro Vagner, que acabou cometendo o pênalti que deu origem ao terceiro gol do Fogão. Além disso, outro fator preocupa. O desempenho do Palmeiras com Gabriel Jesus é de 73,8% (10V,1E,3D) e sem ele a porcentagem atinge 11,1% (0V,1E,2D). As opções ofensivas do Palmeiras não funcionam, além de não ter um meio-campo confiável. O mais assustador é Lucas Barrios, que disputou apenas quatro partidas no Brasileirão (185 minutos) e não marcou nenhum gol.