Crianças da rede municipal de ensino plantam 33 árvores para cada vida salva no trânsito de Santo André

A Prefeitura de Santo André realizou nesta quarta-feira (14) o plantio de 33 mudas de árvores no Parque Central, na Vila Assunção, em alusão ao Dia Mundial em Memória das Vítimas do Trânsito. Alunos da Emeief Padre Fernando Godat fizeram o plantio das mudas, que representam as vidas salvas no trânsito da cidade desde o ano de 2015. A ação faz parte do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, implementado pelo Governo do Estado e um dos parceiros do município na construção de políticas públicas voltadas à redução no número de vítimas de acidentes.

A cidade tem realizado, desde o ano passado, diversas ações educativas com grande alcance em todos os públicos, voltadas a motoristas, pedestres, ciclistas e motociclistas. A mais recente foi a Motociclista Responsável, que teve por objetivo alertar os condutores das motos sobre práticas seguras para diminuir o número de acidentes com vítimas na cidade. Além desta, foi realizada também a campanha Pedal com Segurança, que informou ciclistas sobre o uso correto deste meio de transporte, alertando para a importância do compartilhamento do espaço público e as noções de segurança e técnica ao pedalar.

De acordo com dados da Organização das Nações Unidas (ONU), todo ano morrem cerca de 1,25 milhão de pessoas em acidentes de trânsito no mundo. O número de feridos varia entre 30 e 50 milhões de pessoas. Segundo relatório da Organização Panamericana da Saúde (OPAS) lançado neste ano, as mortes por lesões causadas no trânsito aumentaram 3% entre 2010 e 2013. Já o Brasil é o país com a maior taxa de mortalidade no trânsito e fica em terceiro lugar quando comparado aos países da América do Sul, com números de mortes que vão de 35 a 50 mil por ano.