Cunha tem cinco dias para tentar reverter o parecer do Conselho de Ética

eduardo-cunhaDa redação

Começa nesta sexta-feira (17) o prazo de cinco dias úteis para que a defesa do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), apresente recurso à CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) para tentar reverter o resultado da última terça-feira (14) no Conselho de Ética – quando o parecer pela cassação de seu mandato foi aprovado por 11 votos a nove.

O Diário Oficial da Câmara dos Deputados publicou nesta quinta-feira (16), a contagem do prazo – de cinco dias úteis, que deve ser usado pelos advogados de Cunha.

Após apresentação do recurso, a CCJ ainda tem mais cinco dias para decidir se acata ou não os argumentos apresentados pelo peemedebista.