Dieese registra 230 mil pessoas desempregadas no ABC

size_810_16_9_open-uri20131127-2307-w6osc2-0Da redação

A taxa de desemprego na região do ABC chegou a 16,7%, sendo a pior para o mês desde 2005.

Segundo dados da PED (Pesquisa de Emprego e Desemprego) divulgada no mês de abril pelo Dieese e Fundação Seade, são 230 mil pessoas desempregadas nas sete cidades – 11 mil a mais em relação a fevereiro.

O pior desempenho continua sendo na indústria de transformação, que perdeu 32 mil trabalhadores, e hoje soma 265 pessoas atuantes na região. O comércio também apresentou queda, com menos dois mil trabalhadores no setor.

O ramo de serviços teve aumento de três mil pessoas contratadas, e continua sendo o principal setor no ABC, com 603 mil prestadores de serviços seja na rede privada ou pública.