Dilma irá ao julgamento final do impeachment

Da redação

senadoAcusada de ter praticado duas irregularidades na gestão financeira do governo, sendo a primeira a edição de decretos que ampliaram a previsão de gastos no Orçamento sem a autorização do Congresso Nacional e as pedaladas fiscais no Plano Safra, programa de empréstimos a agricultores executado pelo Banco do Brasil, Dilma Rousseff irá ao julgamento final do impeachment no Senado.

A petista tentará evitar o afastamento do cargo durante o depoimento. Além disso, a petista fica inelegível por oito anos se as acusações forem confirmadas e quem assume é o até então presidente interino, Michel Temer.  Agora Dilma espera a data em que deve comparecer ao Senado.

O julgamento deve começar no próximo dia 25, às 9h. No comparecimento de Dilma, ela provavelmente terá que responder aos questionamentos dos senadores e ressaltar os pontos que sustentam a defesa.