Doenças que o Pombo pode te transmitir; Confira!

Da redação

Um problema comum dos grandes centros urbanos do país, e que pode trazer complicação para a saúde: são os pombos, que invadem o espaço e podem transmitir doenças que podem levar à cegueira, infecções no cérebro, dos pulmões e dos intestinos. Entre elas, estão: criptococose, histoplasmose, salmonelose, ornitose, toxoplasmose, dermatites, alergias, psitacose e tuberculose avícola.

A forma mais comum de infecção é por vias respiratórias, com a inalação das fezes secas. Cada animal produz cerca de 2,5 kg de fezes por ano e, nessas fezes, estão fungos, bactérias e ácaros que podem causar as doenças.

Para não atrair pombos para residências ou estabelecimentos comerciais, basta evitar alimentar as aves e, ao perceber grande incidência em determinada localidade, deve-se tomar medidas preventivas, como fechar com telas o acesso aos forros e telhados. É importante também, não deixar as fezes acumularem e, na hora de retirá-las, proteger o nariz e a boca com uma máscara e umedecê-las com água e depois limpá-la com água sanitária.