Em São Bernardo, Chácara Silvestre recebe exposição que celebra 60 anos da Quadrilha junina do Alameda Glória

A Quadrilha do Alameda Glória, uma das mais antigas de São Bernardo, completa 60 anos mantendo viva a manifestação do folclore brasileiro nas festas juninas. Para celebrar as seis décadas de história, a Prefeitura de São Bernardo promove, por meio da Secretaria de Cultura e Juventude, a exposição “60 anos da Quadrilha Junina do Alameda Glória”, na Chácara Silvestre (Avenida Wallace Simonsen, 1.800. Nova Petrópolis). A abertura da exposição será nesta sexta-feira (08/06), às 14h. A visitação ocorre até 31 de julho, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h.
 
Idealizada pelos pesquisadores pesquisadores Maria Valéria Rodrigues e Laércio Costa Nunes, com curadoria de Jorge Magyar, chefe da Seção de Memória da Secretaria de Cultura e Juventude, em parceria com o Centro de Referência das Culturas Populares, a mostra contará com fotografias, figurinos e adereços da quadrilha junina, além de exibição de vídeos com depoimentos e histórias do grupo. Parte das peças faz parte do acervo pessoal de Luiz João Marotti, atual presidente da Sociedade Cultural e Recreativa Alameda Glória, e filho de José Paschoal  ngelo Marotti, um dos fundadores da quadrilha. O clube está localizado na Príncipe Humberto, 315, na Vila Duzzi.
Além da exposição, o antigo casarão do ex-prefeito Wallace Simonsen receberá, em 23 de junho, das 10h às 16h, uma oficina de decoração junina, com decoração da parte interna e de seu entorno; a apresentação da Quadrilha Junina da Associação dos Funcionários Públicos de São Bernardo; a bênção solene e levantamento do mastro junino; e a apresentação da Quadrilha Junina do Alameda Glória.
 
Fundada em 1958, a Quadrilha do Alameda Glória contou com a participação de muitos dos integrantes da família Marotti, além de sócios da Sociedade Cultural e Recreativa. As festas juninas promovidas pelo Alameda Glória eram uma atração na cidade, recebendo visitantes de várias locais. Nas décadas de 60, 70 e 80, a Sociedade chegou a ter três quadrilhas: a mirim, a infanto-juvenil e a de adultos, que tinha 24 casais. O grupo foi campeão por oito vezes de concursos promovidos na cidade e chegou a se apresentar em diversos programas de tevê e em outros estados brasileiros.
 
Origem na França – A quadrilha é uma dança folclórica que teve sua origem nas festas palacianas da Europa, mais precisamente na França, por volta do século XVIII. A palavra quadrilha, do francês, quadrille, é uma simplificação da expressão quadrilha de contradanças. O nome se justifica porque originalmente a dança era formada por quatro pares de dançadores. No Brasil, o povo se apropriou da quadrilha e incluiu elementos de  cultura, dando novas características à chamada quadrilha caipira.
 
Serviço:
Exposição 60 anos da Quadrilha Junina do Alameda Glória

Local: Chácara Silvestre (Av. Wallace Simonsen, 1.800. Nova Petrópolis)

Abertura: 08/06 (sexta-feira), às 14h

Visitação de 08/06 a 31/07, de segunda a sexta, das 10h às 16h
 
Celebração das Tradições Juninas,em 23/0610h – oficina de decoração junina, com decoração da parte interna e do entorno do Casarão
14h – apresentação da Quadrilha junina da Associação dos funcionários públicos de São Bernardo do Campo
14h45 – benção solene e levantamento do mastro junino
15h – apresentação da Quadrilha junina do Alameda Glória
Fonte: Assessoria São Bernardo do Campo
Imagem: Gabriel Inamine/PMSBC