Em São Bernardo, Fundo Social contempla empresas parceiras com “Selo Solidariedade”

Da redação

Em reconhecimento às empresas que apoiaram e desenvolveram ações sociais em conjunto com a Prefeitura de São Bernardo, o Fundo Social de Solidariedade (FSS) selecionou 55 colaboradores para serem contemplados, ontem (06), com o “Selo Solidariedade 2017”.

A ação faz parte da gestão de Carla Morando, primeira-dama e presidente do FSS, que de maneira pioneira instituiu o projetos como o “Adote uma Entidade”, para que pessoas físicas e jurídicas pudessem ajudar instituições sociais da cidade, de maneira a desburocratizar e unir os que necessitam, com quem tem vontade de contribuir.

A chancela social poderá ser utilizada, durante todo o ano de 2018, pelos escolhidos, em suas marcas e produtos.

Além disso, o resgate do Fundo Social, neste primeiro ano da nova administração trouxe muitos bons frutos. Possibilitou uma arrecadação recorde na Campanha do Agasalho, trouxe cursos de capacitação em parceira com o Governo do Estado, como o de Padaria Artesanal e de Construção Civil, realizou o evento do “Sonho dos 15”, que contemplou jovens de acolhimentos com a festa de debutante, em parceria com empresários da cidade, comemorou o aniversário da cidade no emblemático estúdio “Vera Cruz”, que voltou a ser administrado pela Prefeitura, envolveu escolas municipais e particulares na Campanha do Brinquedo e arrecadou toneladas de alimentos para o Banco de Alimentos, em trabalho desenvolvido junto às demais secretarias municipais.