Errata: Secretários de São Bernardo são investigados por desvios nas obras do Museu do Trabalhador

Em respeito aos telespectadores e internautas que nos acompanham diariamente, cumpre-nos o dever com a transparência nos fatos transmitidos por esta emissora. Por este motivo, informamos que ao contrário do que foi publicado em nosso portal no dia 12 de dezembro de 2016, Tarcisio Secoli e Augusto Guarnieri Pereira, então secretários de Serviços Urbanos e Administração da gestão Marinho, não foram conduzidos coercitivamente conforme foi citado na nota em questão.

A matéria apontava o envolvimento de alguns secretários da gestão petista comandada pelo então prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho, que estariam sendo investigados pela Policia Federal por desvio de obras no Museu do Trabalhador.

 

A seguir o link da matéria na íntegra: Secretários de São Bernardo são investigados por desvios nas obras do Museu do Trabalhador