Estado Islâmico assume ataque na Alemanha

Da redação

O Estado Islâmico reivindicou hoje (19) o ataque, com faca e machado, provocado por um jovem afegão de 17 anos em um trem em Wurzburg, na Alemanha. O atentado ocorreu ontem (18) e deixou quatro pessoas feridas.

“O autor do esfaqueamento na Alemanha é um combatente do Estado Islâmico e realizou esta operação em resposta aos apelos para atingir a coalizão que combate o Estado Islâmico”, escreveu a agência dos jihadistas, a Amaq, citando “fontes de sua segurança”.

Autoridades do governo alemão confirmaram que foi encontrada uma bandeira do Estado Islâmico no apartamento onde o jovem vivia na Baviera.

Segundo o titular da pasta, diversas testemunhas afirmaram que o rapaz gritou a frase Allahu Akbar (Deus é grande, em tradução livre) antes de começar a atingir as pessoas com um machado.

Um bilhete de despedida também teria sido encontrado no apartamento e teria sido escrito como um “adeus ao seu pai” e um encorajamento para que os muçulmanos defendam sua religião.