FAT libera R$ 5 bilhões para micro e pequenas empresas da região

0606 - Assembleia Prefeitos - Afif Domingos - Feirão Crédito %281%29 (2)
Foto: divulgação

Da redação

Na manhã desta segunda-feira (06), o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, esteve presente na 75ª assembleia de prefeitos, realizada na sede do Consórcio Intermunicipal do ABC.

Na ocasião, Affif anunciou a liberação de R$5 bilhões de reais para empréstimos aos micro e pequenos empresários da região, surgindo como uma alternativa ao problema de emprego e renda enfrentado nos últimos meses.

Os recursos provenientes do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), são repassados pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) – R$3 bi, e Banco do Brasil – R$2 bi. “As micro e pequenas empresas do ABC estão carentes de crédito orientado, exatamente porque o capital de giro está a um custo absurdo e o acesso é restrito”, comentou Affif.

Para ser contemplada, a empresa tem que firmar compromisso de não demitir nenhum funcionário durante um ano. E aquelas com mais de 10 empregados, devem ter pelo menos um aprendiz (a partir de 14 anos) no quadro de funcionários. Importante salientar que os recursos terão um teto de R$200 mil por empresa. “Daremos um oxigênio para a travessia desse momento difícil”, enfatizou.

“Queremos apressar o início dessa atividade começando pelo ABC de forma pioneira em todo Brasil. E a partir dessa experiência aqui, queremos levar para outras regiões metropolitanas que oferecem quadro semelhante”, salientou o presidente.

1º Feirão de Crédito do ABC

Os créditos estarão disponíveis a partir do 1º Feirão de Crédito do ABC, que será lançado dia 17 de junho, em local ainda a ser divulgado. “É uma oportunidade para as empresas se reestruturarem e se prepararem para novas oportunidades de mercado”, afirmou Afif. O Feirão é resultado de parceria entre o Consórcio, a Agência de Desenvolvimento Econômico e o Sebrae.

A proposta do evento é orientar, por meio de palestras, a tomada consciente de crédito, além de apresentar as linhas de recursos disponibilizadas pelas instituições financeiras e promover rodadas de negócios e diagnósticos sobre empreendimentos.

Super MEI

O segundo projeto proposto por Affif foi o Super Mei. Trata-se de reorientar aqueles trabalhadores que estão desempregados e buscam alternativas de trabalho por conta própria, tornando-se um MEI. “Vamos disponibilizar cerca de 17 cursos que estão em falta no mercado, que serão ministrados pelo Senai e Senac, e o Sebrae vai pagar por isso”, disse.

Seminário Internacional e Governança Regional: Diagnósticos e Perspectivas

Outro destaque da reunião dos prefeitos foi o Seminário Internacional e Governança Regional: Diagnósticos e Perspectivas. O evento será realizado dias 8 e 9 de junho no campus São Bernardo da Universidade Federal do ABC (UFABC) e vai discutir a elaboração do Plano Diretor Regional do ABC (PDR-ABC) e do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI) da Grande São Paulo.