Procurando uma oportunidade para adquirir a casa própria? Governo realiza feirão com 25 mil opções de imóveis em todo estado de SP

Da redação

O Governo do Estado de São Paulo realiza neste fim de semana (20, 21 e 22 de outubro), a segunda edição do “Feirão Morar Bem, Viver Melhor”, no São Paulo Expo (Pavilhões 7 e 8 – Rod. dos Imigrantes, S/N – Km 1,5 – Água Funda – São Paulo – SP), das 9h às 20 horas.

Serão 23 estandes de incorporadoras ofertando mais de 25 mil imóveis em todo o Estado, sendo destes mais de 1.900 em Guarulhos, 410 em São Bernardo do Campo, 240 em Diadema, 240 em Mauá, 200 em Suzano, 190 em Cotia, 120 em Francisco Morato e 90 em Ferraz de Vasconcelos.

Além dos descontos de 10% oferecidos pelas parceiras, e isenções de taxas e tributos como o ITBI, o governo disponibiliza Cheques-Moradia entre R$ 5 mil e R$ 40 mil à servidores do Estado para a compra de imóveis que custem entre R$ 87 mil e R$ 220 mil.

O valor do subsídio vai depender da composição da renda familiar e da região metropolitana em que o imóvel se localiza. Para que os servidores tenham acesso ao subsídio, é necessário realizar previamente a inscrição no site da Secretaria de Estado da Habitação (www.habitacao.sp.gov.br), no banner do evento.

Os participantes podem comprar imóveis que estejam localizados na cidade ou na região metropolitana onde moram (há pelo menos um ano). 
 
Recomenda-se ao servidor do interior que consulte o site do Feirão com antecedência (ww.feiraomorarbemvivermelhor.com.br/) e entre em contato com a incorporadora responsável para combinar como será feita a aquisição do imóvel nos dias do evento, sem a necessidade de se deslocar para a Capital. 

O evento será organizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Habitação, em parceria com Secovi-SP (Sindicato da Habitação), SindusCon-SP (Sindicato da Construção) e Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias).
 
 
O Feirão Morar Bem, Viver Melhor será aberto para toda a população interessada na aquisição da casa própria, disponibilizando imóveis com valores abaixo daqueles encontrados no mercado, contudo, somente funcionários públicos estaduais e beneficiários de auxílio-moradia da CDHU terão acesso ao Cheque-Moradia.