Impeachment: Cardozo vai ler a defesa de Dilma na Comissão

Da redação

A presidente Dilma Rousseff durante entrevista coletiva sobre a Copa do Mundo, em Brasília, na segunda-feira. 14/07/2014 REUTERS/Ueslei Marcelino
A presidente Dilma Rousseff durante entrevista coletiva sobre a Copa do Mundo, em Brasília, na segunda-feira. 14/07/2014 REUTERS/Ueslei Marcelino

A Comissão do Impeachment do Senado ouve hoje (6) a defesa da presidenta afastada Dilma Rousseff. Pelo Twitter, Dilma informou que não irá à sessão.  A defesa será feita por escrito e lida por seu advogado, José Eduardo Cardozo. “Estamos avaliando a minha ida ao plenário do Senado, em outro momento”, afirmou Dilma.

“Acredito e luto todo dia para meu retorno. Não só pelo meu mandato, mas pelo resgate da democracia”, disse Dilma na rede social.

Na terça-feira (5) os senadores ouviram os peritos assistentes da defesa e da acusação que analisaram a perícia feita por técnicos do Senado e não foi identificada ações que configurem crime de responsabilidade, as chamadas “pedaladas fiscais”.