Lula pode ser preso

A chefe de gabinete da presidência do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Daniela Tagliari Kreling Lau, publicou em sua página pessoal do Facebook uma petição online em apoio à condenação e à prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A corte vai julgar o recurso do ex-presidente no dia 24 de janeiro contra a sentença do juiz Sergio Moro no caso do tríplex do Guarujá.

Em nota, o TRF4 informou que a servidora exerceu o direito à manifestação. “A servidora Daniela Tagliari Krelin Lau, fora do seu horário de trabalho e em caráter absolutamente dissociado das funções do cargo que atualmente ocupa nesta Corte, exerceu direito constitucionalmente assegurado a todo e a qualquer brasileiro”, diz o texto.