Mais de 2.500 refugiados morreram no Mediterrâneo em 2016, segundo a ONU

mortos mediterraneoDa redação

De acordo com a ONU (Organização das Nações Unidas), somente neste ano mais de 2.500 refugiados morreram tentando chegar à União Europeia pelo Mediterrâneo.

No total, 880 refugiados morreram na semana passada depois do naufrágio de vários barcos na tentativa de chegar à Itália. Desde o início do ano, cerca de 204.000 refugiados conseguiram chegar à União Europeia.

As chegadas na Grécia diminuíram drasticamente depois que Bruxelas e Ancara acordaram que qualquer imigrante que pisasse na Grécia após 20 de março, sem a permissão de asilo, seria encaminhado para a Turquia.

O movimento para a Itália registrou 46.714 migrantes e refugiados, aproximadamente o mesmo número que em 2015.Quase todos os migrantes que chegam na Itália são provenientes da África sub-saariana.