MP pede condenação de Auricchio

josc3a9-auricchio-f-raquel-tothDa redação

O MP (Ministério Público) do Estado de São Paulo pede a condenação do ex-prefeito de São Caetano do Sul, José Auricchio Junior (PSDB), após Luciana Almeida Prado Bresciani – desembargadora do TJ (Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo) e relatora do processo de improbidade administrativa do tucano, encaminhar a ação para julgamento do plenário, na última terça-feira (14).

O objeto de acusação do MP foi a contratação da empresa Leandrini Auto Posto em uma licitação considerada pela procuradoria como “viciada”, ou seja, houve restrição de participantes no certame.

A Procuradoria de Justiça pediu a perda de eventual função pública, suspensão dos direitos políticos por cinco anos e pagamento de multa civil no valor de 100 vezes a remuneração de Auricchio enquanto prefeito – R$ 16 mil por mês.