Palmeiras empata após converter pênalti polêmico

Da redação

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Depois de perder para o Atlético-MG e para o Botafogo, o Palmeiras encaminhava a terceira derrota consecutiva contra a Chapecoense na noite da última quinta-feira (4). Se não fosse um pênalti discutível sobre Cleiton Xavier, a equipe de Cuca não teria arrancado um ponto fora de casa. A partida terminou 1 a 1.

O gol da Chapecoense saiu após uma cobrança de falta de Hyoran. Na hora de cortar o cruzamento o goleiro Vagner furou e deixou Kempes sozinho para empurrar a bola para as redes. O goleiro do Palmeiras já tomou cinco gols nos últimos três jogos.

O Palmeiras sofreu novamente com a falta de criatividade. Por isso, Cuca tirou Thiago Santos no intervalo e colocou Cleiton Xavier. Além dele, Lucas Barrios entrou no lugar de Erik e Dudu saiu para a entrada de Allione. Mesmo após as trocas, o Palmeiras ofereceu pouco perigo ao goleiro Danilo. O gol palmeirense veio aos 40 minutos do segundo tempo, após cobrança de Jean. O pênalti causou polêmica, já que ao entrar na área o meio-campo Cleiton Xavier valorizou o lance.

Os palmeirenses ainda reclamaram do lance do gol de Kempes, em que alegam que o adversário estava em posição irregular. O Palmeiras é o atual 2º colocado, atrás do Santos no saldo de gols.