Patrulha de Natal reforça a segurança em centros comerciais de São Bernardo

A Prefeitura de São Bernardo, por meio da Secretaria de Segurança Urbana, lançou, nesta quinta-feira (06/12), a segunda edição da operação “Patrulha de Natal”. A iniciativa destinará reforços à segurança urbana nos principais bolsões comerciais da cidade durante o período das festas de fim de ano. O ato contou com a apresentação da Cantata de Natal, na Praça da Matriz, executada pela Banda da GCM e do Coral Infanto-Juvenil sob regência da maestrina Simone Strublic.
 
A força-tarefa, lançada em 2017 por esta gestão, se estenderá até o dia 29 de dezembro, mobilizando os efetivos da Guarda Civil Municipal (GCM), da Polícia Militar (PM), com o apoio do Regimento de Cavalarias, do Departamento de Trânsito e de Posturas.  A ação tem o objetivo de coibir furtos e assaltos em regiões comerciais que registram o aumento do movimento de pessoas como a Rua Marechal Deodoro, Avenida Prestes Maia, Rua Jurubatuba, Avenida Faria Lima e pólos comerciais nos bairros Rudge Ramos, Taboão, Assunção, Demarchi e Paulicéia. A operação terá horário de funcionamento equiparado ao das lojas, todos os dias – inclusive aos domingos -, com atuação diária das 8h às 22h.
 
O prefeito Orlando Morando ressalta a importância da operação, lembrando que os corredores de compras da cidade recebem, em média, 100 mil pessoas nos sábados que antecedem as festas. 
 
A atuação da GCM será por meio de patrulhas a pé, motorizadas e com bicicletas, cedidas pela Empresa Silium. As bases comunitárias também estarão nessas regiões.  Já a PM fará a segurança por meio de patrulhas a pé, motorizadas, bem como cederá bases comunitárias e a cavalaria. Para permitir a ampliação do patrulhamento nas áreas de comércio, a Prefeitura irá investir em horas extras dos guardas. Esse reforço será feito por meio da DEJEM (Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar).
 
A movimentação nas áreas comerciais e adjacências será acompanhada pelo sistema de câmeras do Centro Integrado de Monitoramento (CIM). Apenas na Marechal Deodoro são seis câmeras que monitoram o fluxo de pessoas, atentas a atividades suspeitas. 
 
Em conjunto com a Associação Comercial e Industrial de São Bernardo (ACISBEC), será realizado um trabalho de conscientização da população  com distribuição de folhetos com dicas de segurança para lojistas, escolas, igrejas, empresas, Conselho de Segurança (Consegs) e demais entidades.