São Bernardo do campo

Pelo segundo mês consecutivo, São Bernardo liderou a criação de vagas com carteira assinada no Grande ABC. Em fevereiro, o município registrou a abertura líquida de 2.883 empregos, o que representa quase metade dos postos de trabalho abertos em toda a região. Os dados constam no levantamento mais recente divulgado pelo Ministério da Economia, por meio do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Os dados correspondem ao melhor resultado obtido pelo município no mês de fevereiro desde 2004. Conforme o levantamento mensal feito pelo Governo Federal, São Bernardo registrou, em fevereiro de 2021, 10.648 admissões e 7.765 desligamentos. O número ficou acima do observado no mesmo período de 2020, quando o saldo líquido foi de 971 postos de trabalho formais.

O setor de serviços foi o que mais contratou com carteira assinada em São Bernardo em fevereiro, com saldo de 1.471 postos de trabalhos criados. Outro segmento da economia que colaborou para o resultado positivo do município foi a indústria, que registrou a criação de 855 empregos, seguido por comércio (354), construção civil (201) e agropecuária (2).

De acordo com o prefeito Orlando Morando, apesar da grave crise econômica imposta pela pandemia causada pelo Coronavírus, São Bernardo tem conseguido se recuperar diante dos incentivos realizados pela Administração municipal. “Mesmo diante das restrições da pandemia, temos cumprido nosso dever como poder público de atrair investimentos e estreitar o relacionamento com a iniciativa privada. Com responsabilidade, conseguimos prestar todo suporte tanto aos empresários da cidade quanto aos trabalhadores”, destacou o chefe do Executivo.

Deixe uma resposta