Polícia intensifica busca por assassinos de jovem

A Polícia Civil divulgou ontem o retrato falado dos responsáveis pela morte da estudante Paula Freitas Silva, 18 anos, baleada na última sexta-feira, após entregar celular e bolsa para a dupla de assaltantes, no Jardim Aclimação, em Santo André. A menina morava no bairro Clube de Campo e estava a caminho da escola.

De acordo com a polícia, testemunhas colaboraram para que os investigadores fizessem o desenho dos criminosos. A amiga da vítima, S.G.C., 17, uma das garotas que estava com Paula na hora do assalto, relatou à equipe de investigação do 6º DP (Vila Mazzei) que o garupa – responsável pelo disparo que tirou a vida da colega – estava sem capacete, o que possibilitou que o desenho fosse feito. Já o piloto estava com capacete aberto, dessa forma, ela conseguiu descrever com detalhes os dois homens.

Segundo com a equipe de investigação do 6º DP, não foi o primeiro assalto da dupla naquele dia. Outras duas vítimas também registraram a ocorrência de crimes iguais ao que matou Paula. A Polícia Civil também confirmou que a moto usada pela dupla é modelo XRE 300, na cor preta. O capacete do garupa também foi identificado: o item de segurança é de cor preta, da marca San Marino.

Desde sexta-feira a equipe da polícia realizou diversas diligências no Jardim Aclimação, no entanto, mesmo com o retrato falado, ainda não localizou os dois rapazes. O setor de investigação afirma que, com o desenho, será mais fácil capturar os assaltantes. Informações não confirmadas dão conta que os dois criminosos são moradores de comunidade próxima ao local.

CARACTERÍSTICAS

De acordo com o retrato falado, o garupa e responsável por assassinar Paula tem aproximadamente 19 anos, é magro, pardo, com altura estimada de 1,72 metro e cabelo curto. Já o piloto da moto, que também aparenta ter 19 anos, é branco de olhos escuros e mais baixo que o colega, com aproximadamente 1,68 metro.

O CASO

O crime aconteceu na Rua Paulo Emílio Sales Gomes, altura do número 100. Por volta das 19h10 da última sexta-feira a jovem estava a caminho da escola, na companhia de uma amiga. Enquanto parou para usar o banheiro de um bar que fica na rua ao lado, a dupla que ocupava a moto abordou a colega, que esperava no muro da escola na companhia de duas meninas.

Fonte: Diário do Grande ABC