Possíveis investimentos na indústria têm primeira alta desde 2013

Da redação

O Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgou nesta sexta-feira (10) os dados do Indicador de Intenção de Investimentos da Indústria que subiu 0,6 ponto no segundo trimestre. Esta é a primeira alta do indicador desde o terceiro trimestre de 2013, comparativamente ao trimestre imediatamente anterior, indo a 82,5 pontos.

Os indicadores medem a disseminação do ímpeto de investimento entre as empresas industriais, colaborando para antecipar tendências econômicas.

De acordo com a FGV, quando o Indicador de Intenção de Investimentos fica abaixo de 100 pontos significa que há mais empresas prevendo diminuir que aumentar investimentos nos 12 meses seguintes.