Produção de motos tem queda no primeiro semestre

Da redação

produção-de-motocicletas-2

A produção de motocicletas caiu 33,4% no período de janeiro a junho deste ano, somando 464.357 unidades, de acordo com dados divulgados hoje (12) pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo). No mesmo período do ano passado foram produzidas 697.540 motocicletas.

No mês de junho, foram fabricadas 81.387 unidades, o que representa uma retração de 11,8% na comparação com maio e de 30,4% em relação a junho do ano passado.

Nos primeiros seis meses do ano, as vendas para as concessionárias chegaram a 452.368 unidades, 31,4% a menos do que no mesmo período do ano passado (659.093). Em junho, foram comercializadas 77.548 motocicletas, o que corresponde a uma queda de 11,1% na comparação com maio e de 23,3% sobre o mesmo mês de 2015.

Já as exportações registraram alta de 70,7% nos primeiros seis meses do ano, com a venda de 31.134 unidades no mercado externo. Os dados mostram também que em junho foram comercializadas 7.657 motocicletas, o que corresponde a um crescimento de 36,6% sobre maio e de 39,8% em comparação com junho do ano passado. Segundo a Abraciclo, o movimento positivo ocorreu devido à melhora do ambiente econômico da Argentina.