Proposta de Emenda relacionada aos gastos públicos pode ser votada neste ano

Da redação

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Em reunião entre o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), foi analisado hoje (27) o ajuste fiscal do governo interino. Além disso, a pauta da PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que coloca limite para os gastos públicos foi discutida.

A votação da PEC é relevante para o ajuste fiscal e para retomar a confiança de consumidores e empresários na economia. A votação da proposta no plenário pode ser concluída ainda em novembro, cumprindo o cronograma mesmo com o calendário eleitoral apertado.