Santo André finaliza Campanha Segurança do Pedestre

Para conscientizar motoristas, motociclistas e pedestres, a Prefeitura de Santo André finalizou um conjunto de ações que integraram a campanha Segurança do Pedestre. Um calendário completo de atividades foi implementado com 37 ações espalhadas por toda a cidade, que conscientizaram mais de 200 mil pessoas. Durante toda a campanha, iniciada ainda em abril e que integrou o Maio Amarelo, iniciativa organizada pelo Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, mais de 100 banners foram colocados em pontos de travessia de pedestres, com a distribuição de 70 mil folders.

As ações aconteceram em diversos pontos da cidade, incluindo as avenidas mais movimentadas, como a Dom Pedro I, Capitão Mário Toledo de Camargo, Antonio Cardoso, Pereira Barreto, Dom Pedro II, Giovanni Battista Pirelli, Prestes Maia, José Antônio de Almeida Amazonas e as ruas Carijós, Oratório, Catequese e Coronel Seabra. Complementaram o calendário, a apresentação de duas peças teatrais no calçadão da rua Oliveira Lima e a realização de oito intervenções artísticas, uma em cada terminal de ônibus da cidade.

O prefeito Paulo Serra, destacou que o conjunto de atuações em várias locais da cidade renderam bons frutos para conscientizar os motoristas e pedestres. “Trabalhamos todo este período, sempre com o objetivo de incentivar uma mudança de comportamento das pessoas e, consequentemente, melhorar a segurança dos pedestres e a redução dos acidentes. Tudo isso faz parte da nossa política municipal de educação para a mobilidade, para a conscientização de todos os envolvidos no sistema de mobilidade, além da garantia da melhoria da segurança viária, implementando medidas de engenharia”, finaliza.

Queda nas mortes – Os óbitos provocados por acidentes de trânsito continuam em queda em Santo André. Foram registradas duas vítimas fatais em junho deste ano, contra seis mortes no mesmo mês do ano passado, uma redução de 66%. As informações foram disponibilizadas pelo Infosiga, banco de dados do Governo de São Paulo.

Os dados consolidados de 2018 também são positivos. Na comparação do primeiro semestre de 2017 com os seis primeiros meses deste ano, o número de vítimas fatais no trânsito de Santo André caiu 40%, passando de 25 para 15. A queda reflete as diversas ações de segurança viária adotadas pela Prefeitura desde o ano passado e que se somam à retirada dos radares móveis da cidade, priorizando a educação no lugar da punição com multas.

Fonte: ABC do ABC