Santo André volta a registrar melhor desempenho na criação de empregos no ABC

Da redação

Os esforços da Prefeitura de Santo André para voltar a oferecer emprego na cidade têm gerado cada vez mais resultados. Segundo informativo desenvolvido pela Gerência de Indicadores Sociais e Econômicos (Gise), baseado nos números divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, quando o assunto é emprego formal o município apresenta a melhor evolução entre as cidades do ABC. O levantamento realizado em agosto também mostrou Santo André como o município com melhor desempenho na criação de vagas.

Se compararmos apenas os números de setembro, último mês avaliado, Santo André teve saldo positivo de 540 vagas, 57% a mais do que Mauá, segunda melhor cidade da região no quesito. Quando comparamos os dados de 2017, ou seja, de janeiro a setembro, a diferença é ainda maior, com a cidade tendo apresentado saldo de 1.067 vagas, três vezes a mais do que o segundo melhor município. Já em dados anuais, de setembro de 2016 a setembro de 2017, Santo André ainda permanece à frente das demais com 69.399 admissões e saldo positivo de 680 vagas.

Das 540 vagas oferecidas pela cidade no último mês, 404 foram apenas na área de serviços. Já os setores da indústria que mais se destacaram na geração e empregos foram Fabricação de Pneumáticos e de Câmaras-De-Ar; Fabricação de Máquinas e Equipamentos de Uso Geral, Fabricação de Produtos de Panificação e Fabricação de Fibras Artificiais e Sintéticas.

O avanço na oferta de emprego formal tende a ser ainda maior nos próximos meses, isso porque a cidade reabriu na última segunda-feira (23) a Sala do Empreendedor e o Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda (CPETR). Após esforços da atual administração, os dois espaços abriram suas portas em uma estrutura conjunta, de forma com que sejam alinhadas as políticas de suporte ao empreendedor, qualificação e busca de recolocação profissional.

O desenvolvimento econômico da cidade é uma das prioridades da atual gestão, que segue buscando parcerias com a iniciativa privada para ampliar os resultados do município. Santo André está entre as 100 maiores cidades do país, ocupando o 22º lugar como cidade brasileira com maior desempenho, sendo a 14ª no estado de São Paulo. No IDGM entre 2005 e 2015, a cidade passou da 55ª posição para 33ª em saúde, além do grande salto em segurança, tendo passado da 45ª posição para a 6ª. Com PIB de R$ 28,1 bilhões em 2014, o município está entre as 10 maiores economias do estado.