São Paulo faz proposta por Renê depois de vender Rogério ao Sport

Titular do Sport há duas temporadas, Renê está de novo na mira do São Paulo. A negociação foi aberta na semana passada, quando um dirigente do Sport esteve no CT da Barra Funda para contratar o atacante Rogério. Desde então, os clubes conversam sobre a possibilidade de o lateral-esquerdo trocar a Ilha do Retiro pelo Morumbi.

Lateral-esquerdo tem contrato com o Sport até dezembro do ano que vem
Lateral-esquerdo tem contrato com o Sport até dezembro do ano que vem

Diretor-executivo do Sport, André Zanotta disse que não há qualquer intenção de liberar Renê nesta temporada. Ele, inclusive, já disputou mais de seis partidas no Brasileirão, fato que o impediria de defender o Tricolor no campeonato. Já o São Paulo argumenta que, se não vendê-lo já, o rival pode correr o risco de não faturar nada.

Isso porque o contrato de Renê com o Sport termina em dezembro do ano que vem. A partir de julho, ele pode assinar um pré-contrato com qualquer interessado e deixar Recife de graça. Nos últimos meses, Cruzeiro, Palmeiras e Dnipro, da Ucrânia, também fizeram propostas oficiais pelo lateral.

A relação entre tricolores e rubro-negros se tornou boa depois de Rogério ser negociado. O atacante foi emprestado por uma temporada, embora o Leão também tenha adquirido 25% dos direitos econômicos por R$ 2,5 milhões.

A má fase do Sport no Brasileirão tem colocado Renê em uma saia justa na Ilha do Retiro. No domingo, ele foi um dos atletas vaiados pela torcida durante a vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense. Rogério ainda não estreou no duelo diante dos cariocas.

Atualmente, o São Paulo conta com Mena e Matheus Reis para a lateral esquerda. O chileno está emprestado pelo Cruzeiro até dezembro. Já Matheus Reis, cria da base tricolor, ainda não conseguiu empolgar, apesar de ter disputado as nove partidas do time no Campeonato Brasileiro.