Temer sanciona lei que muda a forma de capitalização da Caixa

Nesta quinta-feira, o presidente da República, Michel Temer, sancionou a lei que autoriza a capitalização da Caixa Econômica Federal com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A informação foi anunciada pela assessoria do Palácio do Planalto.

caixa-economica-foto-abr1
Foto: Reprodução/Internet

No entanto, para haver essa reunião de recursos, é preciso que o Conselho Curador do fundo autorize. Ainda de acordo com o texto aprovado no Congresso Nacional, a capitalização máxima da Caixa será de até R$ 15 bilhões.

Essa nova legislação busca atender as novas normas de controle estabelecidas pelo Conselho Monetário Nacional, e que exigem que a Caixa aumente o nível de capital próprio para conseguir seguir emprestando recursos a clientes e financiando projetos. O principal objetivo disso tudo é reduzir o risco de liquidez do banco.