Início Política ABC Moradores aprovam testagem contra a covid-19 nas habitações coletivas de São Caetano

Moradores aprovam testagem contra a covid-19 nas habitações coletivas de São Caetano

A Prefeitura de São Caetano do Sul iniciou nesta quarta-feira (17/6) a testagem em massa em habitações coletivas, popularmente conhecidas como cortiços. O objetivo é identificar, especialmente, pessoas que contraíram o coronavírus e não apresentaram sintomas, e que, sem o diagnóstico, são potenciais transmissores da covid-19.

No primeiro dia da ação, foram testadas 103 pessoas, sendo que 4

positivaram para o coronavírus. A meta da Secretaria de Saúde é levar o teste

rápido aos 15 mil moradores de habitações coletivas da cidade. O resultado de

cada exame sai em até 15 minutos. “Queremos identificar os assintomáticos, que

são propagadores do vírus sem saber”, enfatizou o prefeito José Auricchio Júnior.

Morador do Bairro Santa Maria, o jornalista e escritor Hildebrando Pafundi, de 80 anos, elogiou a ação. “É uma grande iniciativa. Outras prefeituras deveriam fazer o mesmo, já que combate uma doença grave e sem tratamento”, avaliou, para, em seguida, mostrar satisfação com o resultado negativo do teste. “O coração está aliviado.”

Vizinha do sr. Hildebrando, Maria do Carmo Santos Oliveira também testou negativo para o coronavírus. “Fico mais tranquila, mas continuarei adotando todos os cuidados para que essa doença não chegue perto de mim.”

Para assegurar que os positivados não transmitam a doença a outras pessoas, a Prefeitura convida aqueles que não têm condições de fazer o isolamento adequado ao Crais (Centro de Referência de Acolhimento e Isolamento Social), criado especialmente para esta ação. São 100 vagas, no 5º andar do Hospital São Caetano.

“É um serviço de hotelaria para garantir o isolamento adequado, com conforto, alimentação e supervisão médica”, concluiu Auricchio. As pessoas atendidas não terão qualquer tipo de contato com os pacientes internados no Hospital de Campanha, montado no 3º e 4º andares.

Este é o quinto programa de testes da municipalidade contra a covid-19. Somando os atendimentos no Drive Thru, no Disque Coronavírus, nos bloqueios de trânsito e no Inquérito Epidemiológico, além de servidores na linha de frente de combate à pandemia e pacientes dos hospitais, 33 mil pessoas já foram testadas, o que representa 20,5% da população da cidade.

Deixe uma resposta