Início Popular São Bernardo autoriza revitalização dos campos de futebol da Vila São José...

São Bernardo autoriza revitalização dos campos de futebol da Vila São José e Palestrinha

Espaços estão recebendo investimento de R$ 4,2 milhões, sendo R$ 3 milhões por meio de emendas parlamentares da deputada Carla Morando

A Prefeitura de São Bernardo autorizou na manhã deste domingo (09/08) o início das obras de recuperação de dois importantes centros esportivos para o futebol amador da cidade: o campo da Vila São José (Ferrazópolis) e o campo do Palestrinha, no Jardim Nazareth (Alves Dias). As intervenções de revitalização dos espaços terão início imediato e deverão ser concluídas dentro de quatro meses.

Hoje degradados pela ação do tempo, os espaços passarão por melhorias como implantação de gramado sintético, instalação de sistema de drenagem, reforma completa dos vestiários, troca dos alambrados, implantação de playground e de área de convívio, academia ao ar livre, instalação de novas traves, melhorias no paisagismo, nova iluminação, revitalização de bancos e adequação da acessibilidade para cadeirantes.

“Hoje, o uso destes espaços está restrito ao dia, por falta de infraestrutura e iluminação. Isso vai mudar. Até dezembro deste ano, serão entregues espaços esportivos totalmente diferentes e muito mais modernos. As obras já estão licitadas e as empresas responsáveis contratadas. Agora é dar início às obras, que vão transformar estas regiões”, destacou o prefeito Orlando Morando, durante cerimônia de assinatura das ordens ser serviço.

O ato também contou com presença do vice-prefeito, Marcelo Lima, e dos presidente dos clubes. “Será a realização de um sonho ver este campo em melhores condições. Estamos muito contentes. Vamos completar 45 anos de existência e esta é uma grande conquista para todos nós”, destacou Claudinei Guedes Teixeira, da sociedade esportiva Vila São José.

INVESTIMENTO – Ao todo, estão sendo investidos R$ 4,24 milhões em ambos os espaços, sendo R$ 3 milhões por meio de emendas parlamentares da deputada estadual e primeira-dama, Carla Morando. Do valor, apenas R$ 1,2 milhão será custeado com recursos próprios da Prefeitura.

Deixe uma resposta