Início Política Brasil Suspeito de atropelar GCM que morreu em Ribeirão não se apresentou à...

Suspeito de atropelar GCM que morreu em Ribeirão não se apresentou à Polícia

Estudante de Engenharia Rodrigo Melo de Miranda Penha foi identificado como sendo o dono do carro que bateu na motociclista do guarda

 

Estudante de Engenharia Rodrigo Melo de Miranda Penha foi identificado como sendo o dono do carro que bateu na motociclista do guarda. Foto: Redes Sociais

 

O suspeito de atropelar e matar no sábado (24/08) o GCM (Guarda Civil Municipal) de Ribeirão Pires Vanderli Basílio ainda não se apresentou na delegacia, conforme informações da Polícia Civil. O dono do carro é Rodrigo Melo de Miranda Penha, estudante de engenharia da Universidade de Mogi das Cruzes.

Ele é suspeito de entrar com seu carro na contramão da avenida Sapopemba e atropelar o agente de segurança que não resistiu aos ferimentos e foi ao óbito ainda no local da colisão. O motorista fugiu e não prestou socorro á vítima.

A Polícia investiga ainda o fato de ter sido registrado um BO (Boletim de Ocorrência) de furto de veículo uma hora depois do acidente de furto. Segundo policiais, pode ter havido falsa informação e o fato está já está sob investigação.

Na ocorrência da GCM consta que uma pessoa que estava no local do acidente informou que o proprietário do veículo havia saído de uma festa do Centro Hípico Amarelinho.

Um fato que chamou a atenção foi que o perfil do estudante no Facebook foi deletado depois do acidente.

O Guarda Municipal trbalhava há 30 anos na Corporação e estava indo trabalhar quando foi atingido pelo carro. Durante uma hora uma equipe do SAMU tentou reanima-lo, mas o agente foi ao óbito.

 

Suspeito de atropelar GCM que morreu em Ribeirão Pires fugiu após acidente. Foto: Reprodução/ Redes Sociais

 

Deixe uma resposta